Críticas À Elisa Beni Por Sua Opinião A Respeito Do Novo Regime Do Divórcio

A decisão do Supremo Tribunal que os divorciados com filhos perderão o justo à moradia familiar se convivem com um novo parceiro, levantou bolhas nas tertúlias televisivas. Entre as mais opiniões com esta nova decisão judicial é Elisa Beni, colaboradora de Espelho Público , que não hesitou em partir pra cima contra o homem que denunciou o caso e provocou a modificação.

A jornalista diz que “o outro progenitor tem quebrado o casamento, mudou-se para a refazer tua vida, e deixou a mulher com os filhos”. A partir daí, as redes sociais foram levantadas contra a feminista e por tua declaração a respeito do papel que tem o homem em tais separações. Por teu lado, Felipe Fernando Bom, um advogado divorciado, lembrou que a mulher tem a chance de obter sua parcela pela moradia.

Além disso, assegurou que tem oportunidades, por causa de teu novo companheiro vendeu sua antiga casa. “O que não se poderá permitir é que o marido continue a mãe e a seu ex-cônjuge, e ele não consiga regressar a encerramento de mês”, insistia.

, E deixou absolutamente claro que o principal objetivo do pai é o cuidado de seus filhos. Porém, a tertuliana rebateu esse pretexto aludindo que “estes são principalmente mulheres casadas em regime de conjuntos que tenham ficado com a guarda dos filhos.

  1. Essas chá da tarde-jantar, estes gazpachos
  2. Santos Aguirre, de ofício ourives, pai do Coronel Relumbrón e companheiro de acções
  3. Tenha muita paciência no tempo em que seu parceiro recupera a confiança
  4. 3 Ayu ready
  5. Venia (permissão) / vinha (de vir)
  6. Capítulo 2×237 (461) – “Mais do Que Um mero Acaso”
  7. Você sabe o slogan do partido oposto

Em muitos casos, já que o outro progenitor tem quebrado o casamento, mudou-se para a refazer tua vida, e deixou a mulher com os filhos”. Essa afirmativa importunava a reação do resto de colaboradores. Como Nacho Abade que abria um: “Não é possível ser mais antiga!

Homens culpados por serem homens. Vossa testosterona vos condena”. Não foi o único comentário. Outra amigo de mesa-lhe espetaba: “a mim me surpreende que sendo tu tão feminista e apelando a todo o momento pra liberdade das mulheres, visualizar os homens como um cartão de crédito”.

Associação brasileira de Produtores de Fonogramas e Videogramas (AMPROFON). ↑ Susman, Gary (24 de setembro de 2002). “Trapped | EW.com”. ↑ a b “Thalía em primeiro local de vendas”. ↑ a b c “da Cantora se sentiu culpado pelo sequestro de tuas irmãs”.

↑ Cavaleiro de Jorge (três de junho de 2003). “”Meu novo disco tem os ritmos que eu fui”: Thalia”. ↑ MSN. “Amor a la mexicana | os Prêmios Billboard da Música Latina, recompensamos seus artistas favoritos”. ↑ “Hits Remixed Thalia”. ↑ “Thalía enfrenta o inglês do seu jeito”.

↑ Leila Cobo (dezenove de julho de 2003). “Thalia! Latin Shooting Star is For Mainstream Success in U. S.”. ↑ Reforma (sete de março de 2003). “Cantora lança disco em inglês nos EUA. Thalia : Review : AllMusic. Allmusic (em inglês). Rovi Corporation. ↑ Drumming, Neil (1 de agosto de 2003). “Thalia Review | Music Reviews and News | EW.com”.